VAMOS VOLTAR PARA MONTE VERDE


Interrompemos a nossa programação para mostrar o projeto de câmeras de segurança que está sendo implantado em Belisário, Vamos voltar para a nossa viagem. Nosso primeiro café da manhã no Hotel Meissner Hof. Muito bom, diga-se de passagem. Já lhe apresentei os amigos baianos, Mimo e Bebete, sogros de Bia.
Reclamei do sisudo gerente do hotel, que manteve-se comigo em baixo conceito. Pedi a ele para que me eu entrasse com a pick up numa ampla área de serviço do hotel, onde já há uma mangueira, simplesmente para jogar uma água na carroceria do carro, para que os netos pudessem andar lá. Negativa foi a sua resposta. Estamos distante de  um posto de gasolina.
Em compensação a cearense Tainara tem sido super gentil para com o nosso grupo. Empresa é assim: uns jogam a favor e outros contra.
Se você tivesse boa memória iria se lembrar que quando passamos defronte a Pouso Alegre eu falei que aquela cidade tinha a ver com a nossa vinda pra cá. Agora explico: Luisa começou, há cerca de 1 ano, um namoro com Rafael, que mora lá. Mas eles somente se conheciam pela internet. Bia me pediu sugestão de um lugar para a comemoração de seus 15 anos e eu sugeri Monte Verde, que dista de Pouso Alegre cerca de 1 hora e meia. Eles está se conhecendo nesse momento.
Seus pais vieram trazê-lo, para esse tão esperado momento.
Patrícia, ao centro, é cunhada.
E lá vão eles para curtirem esse momento.
Logo fomos para a rua.
Mari programou uma trilha bem no centro do distrito.
A família de Tiago, organizadora desse evento.
E os baianos.
Lu tem de ser super registrada.
Pequenos percursos.
Uma bonita vista de Monte Verde.
Segundo informes esse pinheiro tem 500 anos de idade. Tem um diâmetro de 1,70 metros e é um atrativo do lugar.
Hora de comer algo.
Muitas chocolatarias por aqui e também fábrica de chocolate.
Numa extrema demonstração de gulodice, ainda fomos almoçar, algumas horas depois, no Restaurante Nápoles. Como gosto de destacar quem trabalha bem, veja Willian lá em baixo. Na verdade ele nos convenceu a entrar aqui. Com muita eficiência ele aborda todos os passantes
Ele explicou que trabalhava na 25 de Março, em SP. onde é alta a concorrência e os empregados devem se superar. 
Chega de conversa fiada. Vamos para a comemoração. Bia fechou com o próprio hotel a organização da festinha.
E aí está a debutante.
Tudo bonito para comemorar uma data especial, de uma pessoa multo especial.
Um jantar apenas para a família aqui presente..
Os vovós não faltaram.
Fotos prejudicadas pelas luzes, somando-se às limitações do fotógrafo. 
Teriam outras mas iria atrasar a postagem. Foi uma noite memorável.

Comentários

  1. Que presentão de 15 anos Luísa, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Muito Bacana, essa idade tem que Ficar na História, PARABÉNS Luísa Deus te Abençoe você e toda a FAMÍLIA

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente este post!

Posts mais visitados do último mês